Como melhorar o humor do seu filho com brinquedos certos




Seu filho ou filha anda muito amuado? Será que os brinquedos certos não são o que está faltando para seu filho ou filha? Quais são as estratégias para lidar com o mau humor da criança?

Vamos explicar por que brinquedos certos podem ser grandes auxiliares para seu filho ou filha enfrentar as diferentes fases do desenvolvimento infantil e sair do mau humor. Vamos te dar dicas do que fazer quando a criança apresenta mau humor. Confira! 

Por que o mau humor infantil é considerado normal? 

Se seu filho ou filha anda meio rabugento, mal humorado, calma! Isso é perfeitamente normal quando a criança passa por diferentes fases no desenvolvimento infantil. 

Cada fase tem suas características e a criança precisa aprender a lidar com cada fase. 

Por isso, os pediatras consideram um certo grau de mau humor normal, dependendo da idade da criança. 

Assim, aos 3, 6 e 12 anos de idade, a criança passa por alguns marcos do desenvolvimento e novos degraus de independência. 

Lembre-se que também entre 5 e 7 anos de idade, a criança passa por um dos grandes marcos do desenvolvimento infantil: aprender a ler e escrever. 

Portanto, certo grau de frustração é normal e é importante saber lidar com ele, da melhor maneira possível. 

Como lidar com o mau humor infantil? 

Primeiramente, é essencial ter calma. Claro que é impossível não se chatear um pouco quando seu filho ou filha fica mau humorado. Mas, o melhor conselho é antes de tudo ter calma! 

Segundo, é essencial que seu filho ou filha se sinta seguro (a), para passar pelos momentos da vida sabendo lidar com as frustrações. E o desenvolvimento emocional também faz parte do crescimento e amadurecimento do ser humano. 

Dessa forma, encare os episódios de mau humor como boas oportunidades de ensinar o pequeno ou pequena a lidar melhor com mudanças que ocorrerão em sua vida. 

Boas estratégias para lidar com a frustração 

Vamos agora falar de algumas boas estratégias para lidar com o mau humor e a frustração infantil.

1 – Converse e estabeleça limites 

Passar por momentos de mau humor faz parte da vida. Agora, atazanar todo mundo, ser reclamão ou mal-educado não dá. 

Ou seja, é muito importante conversar com a criança e estabelecer um limite, deixando claro para a criança que mau comportamento não será aceito. 

É importante também perguntar para a criança qual a razão para o mau humor, se a criança está enfrentando alguma dificuldade na escola, por exemplo. 

Muitas vezes, a criança percebe a abertura que os pais dão e fala claramente o que está acontecendo, causando mau humor. 

Assim, antes de criticar, se coloque no lugar da criança e esteja pronto para simplesmente ouvir! 

2 – Brinquedos certos 

Alguns brinquedos podem ajudar a criança a se distrair, desviando o foco do que está deixando-a mal-humorada e ajudando na melhora do humor. 

Esse é o caso dos brinquedos educativos, vendidos em lojas de brinquedos online e também em loja de brinquedos educativos

Muitas vezes, a criança precisa parar de pensar no que está alterando o seu humor e direcionar sua energia para outra atividade. 

Brinquedos educativos apresentam muitas vantagens como desenvolver o pensamento lógico e abstrato. Além disso, os brinquedos certos são importantes pois levam em consideração a idade da criança e seu desenvolvimento motor e cognitivo. 

Para saber se o brinquedo está certo, observe as informações na caixa: para qual idade aquele brinquedo é indicado? E se você não tem idéia, siga algumas dicas: 

  • 0 a 5 meses: brinquedos como chocalhos e mordedores são boas opções, já que a criança está começando a explorar seus sentidos; 
  • De 3 a 4 anos: brinquedos de puxar, jogos mais simples, como jogo da memória também são boas opções, visto que a criança começa a ter noção de causa e consequência; 
  • De 5 a 6 anos: brinquedos que estimulam a criatividade e o raciocínio são indicados para essa faixa de idade, além do mundo da fantasia. Portanto, aposte em jogos de tabuleiro e brinquedos de fantasias. 

Com essas dicas, fica mais fácil você escolher um brinquedo certo conforme a faixa de idade da criança. 

3 – Procurar ajuda especializada 

Não hesite em procurar ajuda especializada para lidar melhor com o mau humor do seu filho ou filha, sobretudo se você já tentou conversar e não obteve nenhum resultado positivo. 

Buscar apoio de um psicólogo infantil pode ser uma saída muito boa, sobretudo quando não se tem ideia do motivo pelo qual o mau humor do seu filho ou filha é tão frequente. 

Às vezes, a criança está passando por alguma dificuldade na escola e não consegue explicar. Com um profissional especializado, que saberá como conduzir, a criança poderá se sentir mais à vontade. 

Agora que você já sabe de boas estratégias, procure colocá-las em prática caso seu filho ou filha apresentar crises no humor! 



Postagem Anterior Próxima Postagem